Hora de se atualizar – Pt 5: conheça os últimos lançamentos da música pop internacional

Se você tem acompanhado o nosso blog já há algum tempo, sabe que no finalzinho de março rolou por aqui a volta do “Hora de se atualizar”, o especial que destaca os melhores e mais comentados lançamentos da música em geral. E, depois de darmos bastante atenção às novidades do pop nacional que dominaram todo o país por estes últimos dois meses (relembre a publicação), chegou o momento de descobrirmos tudo que tem feito a cabeça do resto do mundo e não para mais de tocar nas melhores rádios internacionais.

A seguir, selecionamos apenas alguns dos muitos trabalhos divulgados recentemente e que, sem sombra de dúvidas, merecem um lugarzinho especial na sua playlist gringa. Ficou curioso pra descobrir de quais músicas e videoclipes estamos falando? Então vem com a gente e se liga nestas seis dicas imperdíveis:

Após meses sem novidades, Tove Lo nos surpreende com “Scars”, o misterioso carro-chefe da trilha sonora de “Convergente”:

Depois de encerrar seu debut album com a dançante “Moments”, em outubro do ano passado, 19 de fevereiro foi a data escolhida pela sueca Tove Lo para dar continuidade à sua tão promissora trajetória musical. Composta pela própria moça ao lado de Jakob Jerlström e Ludvig Söderberg (a dupla que já havia trabalhado com ela no “Queen of the Clouds”), “Scars” funciona como o lead single de “Convergente”, o penúltimo filme da saga “Divergente”. Se, por um lado, os críticos acabaram por não receber muito bem o terceiro longa-metragem da série baseada nos livros de mesmo nome, “Scars” não falha ao agradar os fãs da cantora com uma letra tocante e um instrumental misterioso, dignos de qualquer outro trabalho assinado pela musicista. Produzida pelos The Struts (o duo formado por Jakob e Ludvig), a canção que combina dream-pop com electropop foi lançada sob o selo da “Universal Music Group”.

OUÇA “SCARS”


O Fifth Harmony está trabalhando pesado em “Work from Home”, novo featuring com o Ty Dolla $ign que abre o “7/27”:

Não que as meninas do Fifth Harmony já não tivessem um grande hit em sua crescente discografia (sim, estamos falando de “Worth It”), mas, pelo visto, a nova era iniciada pelo ainda inédito “7/27”, o segundo álbum do grupo, começou da melhor maneira possível. Guiado pelo carro-chefe “Work from Home”, o novo trabalho previsto só para daqui um mês (20 de maio) não só é um dos lançamentos mais aguardados de 2016 como também é o esperado para decolar, de uma vez por todas, a carreira das discípulas do Simon Cowell. Atingindo (até o fechamento deste post) a 10ª posição da “Billboard Hot 100”, o single produzido por Ammo e DallasK foi liberado no último 26/02 (pela “Epic Records” e “Syco Music”) para as rádios de todo o mundo no mesmo dia em que seu videoclipe ganhou espaço no canal VEVO, do YouTube. Com uma vibe que mistura hip-hop com electropop, Ally, Normani, Lauren, Camila e Dinah podem ser vistas sensualizando muito em uma construção durante o desenrolar do vídeo que foi dirigido por ninguém menos que Director X (o mesmo de “Hotline Bling”, do Drake, e “Work”, da Rihanna).

ASSISTA AO CLIPE DE “WORK FROM HOME”


Em dueto cheio de energia e poder vocal, Adam Lambert convida Laleh para dividir o brilho de “Welcome to the Show”:

Incluindo o grande sucesso “Ghosttown”, o álbum “The Original High” não falhou ao trazer o nome de um dos mais talentosos exs-“American Idol” de volta ao estrelato e o consolidar como um dos artistas mais queridos do gosto popular. Agora, já pensando no futuro de sua carreira como solista (atualmente, ele também tem saído em turnê com o eterno Queen), “Welcome to the Show” é a novíssima aposta de Adam para o mercado mainstream. Convidando a cantora iraniana/sueca Laleh para dividir os vocais da nova música, o trabalho foi produzido por Max Martin e escrito por Ali Payami, produtor e compositor que já havia trabalho com o cara na composição de 6 das 14 faixas do seu terceiro material de estúdio. Liberado em 17/03 sob o selo da “Warner Bros. Records”, ainda não se sabe se o featuring fará parte do próximo disco do cantor ou de um relançamento do “The Original High”. As informações de um vídeo oficial também são desconhecidas, mas, enquanto nada é informado, você pode se deliciar com esta grande apresentação que a dupla protagonizou no palco do “American Idol”.

OUÇA “WELCOME TO THE SHOW”


Iggy Azalea não precisa de mais ninguém em “Team”, o poderoso lead single do “Digital Distortion”:

Convenhamos que após um freestyle ou outro malsucedido e o desempenho aquém do esperado de “Pretty Girls” (música que gravou em parceria com a Britney Spears), Iggy Azalea teve bons motivos para voltar aos estúdios de gravação e preparar o grande sucessor do “The New Classic” – material ainda inédito que só deverá sair em junho deste ano. E, é com a nova “Team” que uma das rappers mais polêmicas dos últimos anos decidiu movimentar seu tão comentado retorno ao cenário fonográfico. Colocando os haters de lado e caprichando na autoconfiança, o single de abertura da era “Digital Distortion” (para quem não sabe, a faixa “Azillion” nem chegou a ser lançada oficialmente pela gravadora da Iggy, a “Def Jam”) não poderia ser melhor representado senão por esta canção. Lançado oficialmente no dia 18 do mês passado, “Team”, assim como “Work from Home”, também combina hip-hop com música eletrônica (o que tem sido chamado no meio musical de electro hop) e foi composta pela própria australiana ao lado de Bebe Rexha, Lauren Christy, Juvenile, Lil Wayne e Mannie Fresh. O vídeo oficial da música já se encontra disponível na web desde o dia 31/03 e foi dirigido por Fabien Montique.

ASSISTA AO CLIPE DE “TEAM”


Depois de pegar fogo em nossa resenha especial, Ariana Grande finalmente revelou o primeiro clipe da sensual “Dangerous Woman”:

Se você ainda não conferiu a nossa publicação exclusiva sobre o mais recente single da Srtª Grande, então, talvez este seja o momento ideal para descobrir tudo o que tivemos a dizer sobre a faixa-título “Dangerous Woman”. Atingindo o top 10 da “Billboard Hot 100”, na 10ª posição, o hit produzido pelo sempre competente Max Martin foi liberado na íntegra no dia 11 de março pela “Republic Records” – apesar de que, inevitavelmente, foi após muita espera que tivemos a oportunidade de conferir a primeira versão do clipe gravado pela moça. Dirigido pela companhia The Young Astronauts, o chamado “Visual 1” já se encontra adicionado ao VEVO da cantora desde 31/03 e deverá ser sucedido por um segundo vídeo ainda sem data de lançamento definida (mas que deverá sair muito em breve). Sobre o próximo projeto, ela já adiantou que “esse é bem cinematográfico e esquisito. É bem diferente do primeiro. Eu queria fazer algo mais simples, sexy e glamoroso, que é o visual 1, e o segundo é bem diferente desse”. “Dangerous Woman”, o terceiro álbum da carreira de Ariana, estará disponível nas lojas no dia 20 de maio.

ASSISTA AO PRIMEIRO CLIPE DE “DANGEROUS WOMAN”


Bem próximos um do outro, Nick Jonas e Tove Lo estão extravasando intimidade em “Close”, o primeiro single do novo álbum do cantor:

Finalizando a primeira parte do nosso “Hora de se atualizar”, é com o mais recente dueto encabeçado por Nick Jonas e Tove Lo que fechamos com chave de ouro esta singela lista com os melhores lançamentos da música pop internacional do último bimestre. Disponível para o público desde 25/03 sob o selo da “Island” e “Safehouse Records”, tanto single como vídeo não economizaram no romance/intimidade e vêm para abrir “Last Year Was Complicated”, o terceiro álbum da carreira solo do ex-Jonas Brothers. Recebendo a composição de Robin Fredriksson, Mattias Larsson, Julia Michaels, Justin Tranter e Tove Lo, foi produzida pelos dois primeiros e se orienta bastante pelo funk e acid-jazz, além da já conhecida música pop que nos foi apresentada pelo último disco de Nick. Atingindo a 27ª posição da “Billboard Hot 100”, o single foi recebido bem pela crítica e teve seu clipe dirigido por Tim Erem (para quem não o conhece, é o mesmo por trás de “Lean On”, do Major Lazer com a MØ).

ASSISTA AO CLIPE DE “CLOSE”


Para mais conteúdo como este, não deixe de curtir a nossa página no Facebook e nos seguir no Twitter e no Instagram para não perder qualquer novidade. A continuidade deste especial deverá estar disponível muito em breve aqui no Caí da Mudança, então fique de olho.

Anúncios

Hora de se atualizar! Saiba quais foram os melhores lançamentos musicais do último bimestre (pt 2)

Acharam que tinha acabado? Nada disso, senhoritas e senhoritos. A nossa lista com os melhores lançamentos do último bimestre não estaria completa se não nos lembrássemos também dos seis trabalhos a seguir relacionados e pautados cuidadosamente (saiba quais foram os outros sete acessando a nossa primeira parte). Sem maiores rodeios, chegou o momento de conhecermos alguns novos artistas e matar a saudade de outros que estiveram há um bom tempo sem nos beneficiar com algo novo e empolgante. E para começar, gostaria de lhes dizer que…


…Lana Del Rey continua vintage e misteriosa no clipe de “Music to Watch Boys To”, o segundo single do disco “Honeymoon”:

Depois de mostrar para o pessoal quem é que manda no pedaço com toda sua beleza fatal em “High By the Beach” (relembre), chegou o momento de Lana Del Rey colocar o disco na vitrola e nos ensinar algumas lições preliminares de como “observar os garotos”. “Music to Watch Boys To”, o segundo single do álbum “Honeymoon”, chegou assim, sem mais nem menos, já conquistando o ouvinte desde a sua primeira “ouvida”. Intercalando cenas em preto e branco com outras coloridas que dão enfoque ora à cantora, ora à moças nadando e ora a caras jogando basquete, Del Rey exibe seus atributos físicos durante todo o vídeo de forma bem atraente sem perder um pingo de classe ou respeito (pra que recorrer à nudez quando não se precisa?). Utilizando-se do já conhecido baroque pop originário dos anos 60 que pudemos conferir em singles como “Video Games”, “Music to Watch Boys To” foi anunciada pela primeira vez em janeiro deste ano e chegou a ser cogitada para ser o carro-chefe do “Honeymoon”. É Lana, ainda estamos na dúvida se deveríamos observar os garotos ou só você, garota!

ASSISTA AQUI AO VIDEOCLIPE DE “MUSIC TO WATCH BOYS TO”, A NOVA MÚSICA DA LANA DEL REY.


Parceria de Janet Jackson com Missy Elliott te levará de volta ao tempo em uma viagem para a house music dos anos 90! Ouça “BURNITUP!”:

Semana que vem Janet Jackson completa quatro meses desde que resolveu oficializar o seu retorno à carreira musical e nos surpreendeu com a gostosíssima “No Sleeep”, a qual, no final, ganhou uma versão em dueto com J. Cole quando do lançamento do videoclipe (relembre o quanto ficamos empolgados naquela época). Agora com seu 11º álbum de inéditas já disponível nas lojas desde o dia 02/10, Jackson sabe que precisa pegar pesado na divulgação do trabalho e carregou em seu canal de vídeos do YouTube o featuring que fez com a consagrada rapper Missy Elliott. E eu devo dizer a vocês: “BURNIPUP!” não decepciona! Se a cantora souber lançá-la como single assim que tiver a melhor oportunidade, a uptempo com alguns elementos da house music poderá ser a responsável não apenas por destacar ainda mais o retorno e permanência da irmã de Michael Jackson nas paradas de sucesso, mas também da própria Elliott, que é outra veterana da black music. O álbum “Unbreakable”, que estreou em #1 na “Billboard 200” com vendas de 116 mil unidades somente na primeira semana, é o 7º material de Janet a atingir o topo dos charts norte-americanos e colocou a diva para junto de Barbra Streisand e Bruce Springsteen como os únicos cantores a conquistarem o #1 em cada uma das últimas quatro décadas.

ASSISTA AO LYRIC VIDEO DE “BURNITUP!”, A NOVA MÚSICA DA JANET JACKSON COM A MISSY ELLIOTT.


Halsey luta contra a opressão estatal no vídeo de “New Americana”, o segundo single do “Badlands”, seu álbum de estreia:

Parece que 2015 foi um grande ano para os novatos colocarem a boca no trombone e se destacarem depois de discorrer sobre alguns assuntos tidos como tabus pela sociedade tradicional heteronormativa. Um deles sem sombra de dúvidas foi a norte-americana Halsey, que, acompanhada da sua “New Americana”, abordou um pouquinho as diferenças sociais e culturais na composição e clipe da música. Lançada como o segundo single do “Badlands” (acessível para compra desde 28/08), o clipe dirigido por Jonathan Desbiens nos faz lembrar um pouquinho de toda aquela coragem que Madonna e Rihanna tiveram ao criticar a opressão do Estado em trabalhos como “American Life” e “American Oxygen” (respectivamente). Halsey (nascida Ashley Nicolette Frangipane), que é a líder de um grupo de rebeldes no vídeo, é capturada pelas tropas do Exército e levada até uma fogueira para ser queimada viva por “atentar contra a ordem social”. Cabe então aos seus parceiros de guerra, enquadrados no clipe como as minorias sociais da nossa realidade, decidirem se vão salvá-la do sistema de censura estatal ou libertá-la de uma vez por todas. “New Americana” traz um pop alternativo pendendo para o indie e foi composta pela sua intérprete ao lado de James Mtume, Kalkutta e Larzz Principato.

ASSISTA AQUI AO VIDEOCLIPE DE “NEW AMERICANA”, A NOVA MÚSICA DA HALSEY.


“Fools” segue “Wild” e esquenta mais as coisas no projeto “Blue Neighbourhood”, a brilhante trilogia de clipes do Troye Sivan:

Em “Wild” pudemos ter uma pequena noção de como a pura amizade entre dois garotos pode se desenvolver em “algo a mais” após um período de descobertas conjuntas (assista). Contudo, nem todos os contos de fadas têm um final feliz e “Fools” chegou no dia 25/09 para quebrar alguns corações despreparados. Se você tem acompanhado a trilogia de clipes do Troye Sivan já poderia esperar pelo pior, mas, pelo menos, a segunda parte do “Blue Neighbourhood” chegou para acender algumas chamas ainda apagadas na primeira parte. Trocando muitas carícias e beijos apaixonados, Sivan sofre as consequências do preconceito do pai de seu melhor amigo (e namorado) e dessa forma precisa lidar com o término de seu relacionamento enquanto é substituído por uma garota. Vendo o amor de sua vida se afastando e rendendo à pressão da sociedade ao “tentar ser alguém normal”, “Fools” nos traz ainda uma pequena prévia do que acontecerá na parte final do projeto, o qual será encerrado com uma canção inédita (“Talk Me Down”) no dia 20 de outubro. O álbum de estreia do cantor, “Blue Neighbourhood”, será lançado oficialmente no dia 4 de dezembro.

ASSISTA AQUI AO VIDEOCLIPE DE “FOOLS”, A NOVA MÚSICA DO TROYE SIVAN.


Adam Lambert e a sua noite nada solitária dão vida ao vídeo de “Another Lonely Night”, a atual música de trabalho do “The Original High”:

Depois de liberar três álbuns de estúdio e suar para ganhar o mínimo de atenção do público, o finalista da oitava edição do “American Idol” parece estar finalmente recebendo os méritos após o extraordinário trabalho que tem feito desde 2009 com o seu disco de estreia, o “For Your Entertainment”. Lançando o single “Ghost Town” como o primeiro do “The Original High” e conquistando a aprovação dos críticos e ouvintes da música pop, “Another Lonely Night” segue na promoção e divulgação do terceiro material do cantor trazendo um clipe lindo que conta com a participação especial de ninguém menos que Gigi Gorgeous, conhecida personalidade da internet. Ilustrando a “noite solitária” de três pessoas bem diferentes entre si, acompanhamos pelo vídeo a rotina noturna de um carismático stripper, uma talentosa dançarina e uma carente casamenteira que repartem o foco das câmeras com Adam fazendo shows noite afora. Dividindo seu tempo entre a carreira solo e como vocalista convidado do Queen, Lambert está desde o ano passado em turnê com a banda cantando ao redor do mundo os maiores sucessos imortalizados na voz do grande Freddie Mercury.

ASSISTA AQUI AO VIDEOCLIPE DE “ANOTHER LONELY NIGHT”, A NOVA MÚSICA DO ADAM LAMBERT.


JoJo está poderosíssima no clipe da dançante “When Love Hurts”, faixa que promove o EP “III (Tringle)”.

Encerrando os melhores lançamentos musicais ocorridos no último bimestre, é com a JoJo de “Too Little Too Late” que fechamos esta publicação mais do que especial. Após passar anos em uma batalha judicial travada contra a sua antiga gravadora, finalmente a norte-americana conseguiu se livrar da enrolação de não poder lançar um novo material e chegou chegando com o EP “III” (leia-se “Tringle”), um lançamento de três singles simultâneos. Aliada as inéditas “Save My Soul” e “Say Love”, “When Love Hurts” foi a escolhida para ganhar um videoclipe oficial que conta com a cantora em sua melhor fase. Agora uma mulher crescida, a ex-loira (que já foi morena e agora voltou a ser loira) não tem medo de demonstrar que ainda possui aquele vozeirão que a fez famosa antes dos 18 anos e que sabe como usá-lo não apenas no pop e R&B, mas também na música eletrônica. Composta por Ammar Malik, Benny Blanco, Daniel Omelio, Jason Evigan e Ryn Weaver, o single foi produzido por meio da combinação de piano com o uso de sintetizadores e deverá muito provavelmente integrar o terceiro álbum de JoJo. Alguém mais notou o tamanho da felicidade que a moça demonstrou durante 101% do clipe (pacto renovado com sucesso, hahahha!)?

ASSISTA AQUI AO VIDEOCLIPE DE “WHEN LOVE HURTS”, A NOVA MÚSICA DA JOJO.


E você? Ficou sabendo de outro lançamento não mencionado por aqui mas que te chamou bastante a atenção? Conta pra gente nos comentários. 😉